Início Geral PREVISÕES PARA O ANO DE 2023

PREVISÕES PARA O ANO DE 2023

331
0

 

 

Os regentes do ano

Na Astrologia Tradicional, há uma formula para calcular o regente do ano que começa e isso não vem sendo mais tão valorizado hoje em dia. Mas eu gosto de colocar no texto das previsões porque muita gente pergunta. E o regente astrológico de 2023 será a Lua, nosso satélite, par fundamental do nosso planeta Terra, sem o qual não viveríamos. Por esse ponto de vista podemos esperar um ano que cambia, que flutua, que tem altos e baixos, um ano bem influenciado pelos humores e as emoções.

Do ponto de vista da Numerologia Pitagórica, no entanto, 2023 é um ano 7, que inicia a 3ª fase de um ciclo de 9 anos em que os 3 primeiros são de âmbito mais pessoal, ou individual, 1, 2 ou 3; a segunda sequencia nos sugere anos de caráter mais social, de relacionamentos, de envolvimento e desenvolvimento de cada um de nós na sua comunidade; e na 3ª parte do ciclo de 9 anos, iniciamos fazendo um balanço no ano 7.

É no 7 que vamos avaliar o que já percorremos nos anos anteriores, se estamos dentro do script que traçamos para nossas vidas ou se devemos mudar a condução da rota para atingir o que desejamos do ponto de vista real, objetivo, palpável e concreto no ano 8, em que também corremos o risco de perder tudo.

O ano 7 exige quietude e reflexão para que possamos ouvir a voz do interior, a intuição, o mental superior para poder fazer as alterações que julgamos necessárias. Ou não, se podemos seguir como está, mas sempre com ritmo mais calmo e lento, sem qualquer ansiedade. Isso ocorre no planos tanto pessoal, como também social e  coletivo sobretudo. Pela Numerologia, o planeta regente é Netuno, o planeta mais elevado espiritualmente e, por isso é que o silencio se impõe, para que as sutilezas de Netuno possam ser captadas.

Amanhecer com Lua Cheia

Considerando que a Lua é mãe, é mulher, é o feminino e a capacidade de cuidar e proteger e que Netuno é também uma 8ª acima dela (além de Vênus), 2023 será um ano muito voltado para os aspectos humanos, para a preocupação com pessoas, povos, tribos, raças e minorias que precisam de um olhar atento e carinhoso de tudo e de todos. Será também um ano voltado para a criatividade, a educação, a cultura e as artes, que por tabela são temas de quem cria, cuida, protege.

Vamos aos detalhes…

Um ano que começa tem na verdade vários mapas. O da passagem do ano à meia-noite do dia 31 para 1º de janeiro, o da 1ª Lua Nova que acontece no ano e o mapa da entrada do Sol em Áries, inaugurando a Primavera no Hemisfério Norte e o Outono no Hemisfério Sul, considerado na verdade, o mais importante.

Começando pelo da passagem do ano do ano, o Sol sempre está em Capricórnio e sempre no Fundo do céu que indica a meia-noite; e esse mapa é tirado para Londres, que é considerado o marco zero do fuso horário do planeta.

Nesse momento, teremos vários planetas no signo de Capricórnio e na casa 4, a casa da família, dos interiores, da intimidade e do cuidar, acentuando o tema. Poderíamos não ter mais nada lá na casa 4, mas ainda temos Mercúrio, Vênus e Plutão e bem próximos, um pouco distantes do Sol. Isso indica que o povo está contra os governantes; mas também que estão todos em suas casas comemorando a passagem do ano, seja onde for, porque o mapa é genérico.

Vênus + Plutão ( youtube: conversa com Laís Pinheiro)

Essa proximidade de Vênus com Plutão é importante já que ela é a regente do ascendente em Libra, e ele da casa das finanças, acentuando que entramos no ano com os cofres bem baixos. Mercúrio estará retrógrado, o que nos acena com alguma novidade que se apresentará em breve, mas da qual ainda não estamos cientes; e é com relação aos temas internacionais, casa 9 das relações exteriores e planetárias, onde também paira MarteR.

A outra casa regida por ele é a 12, a do imponderável e do insondável: nem tentemos adivinhar ao que isso possa se referir. Eu ousaria dizer que a política externa continua nas mãos de Putin, infelizmente, um Marte agressivo e imprudente.

signo de Libra

E Libra no ascendente representa que as boas relações, os acordos e conciliações de todo tipo serão o grande tema do ano, meta a ser atingida nos níveis pessoais, afetivos, familiares, coletivos, políticos e outros.

Mas a Lua nos acena com alguma melhora, já que está em Touro, signo em que fica generosa e abundante. Em boas relações com o Sol em Capricórnio, o casal primordial do céu nos acena com melhoras na economia futura e também com harmonia e paz, ao longo do tempo. Vejam que Lua rege o Meio do céu ou casa 10 em Câncer e Sol a casa 11 do futuro, de mãos dadas com Urano, o novidadeiro.

Saturno na mitologia grega

Saturno, o velho sábio, reina sozinho em seu trono na casa 5. Essa é uma imagem de muitas pessoas que passarão o Ano Novo de forma solitária e carente. A solidão é uma marca cada vez mais presente nos novos tempos. Infelizmente!

Eu diria que esse mapa da passagem tem seus prós interessantes e poucos contras como 2 planetas retrógrados; ou melhor, novidades surgirão no meio caminho.

Para o Brasil, esse mapa muda muito pouco, sendo que Quiron estará com presença mais destacada, o que alerta para o retorno da Covid-19, Influenza e outras doenças: atenção!

A 1ª Lua Nova do ano de 2023

Teremos uma Lua Nova em 23 de dezembro e o tema será comentado com destaque na ocasião. A 1ª Lua Nova de 2023 será no 21 de janeiro e no 1º grau de Aquário, o que é muito promissor, porque os dois planetas retrógrados dos mapas anteriores já estarão andando em sentido direto. Mas vamos deixar os detalhes para a ocasião em que tal Lunação ocorrer, certo?

O mapa da entrada de Sol em Áries em 2023

Há dois mapas que se sucedem, um no dia 20 de março, às 18h26, horário de Brasília com a entrada do Sol em Áries, início de tudo em 2023. Mas por sorte, temos uma Lua Nova em Áries, um dia depois. O 1º mapa traz a Lua em Peixes, assim como outros dois planetas maiores, Netuno e Saturno, mas muitos já estão em Áries.

Nessas 24 hs, arremate o que for possível em termos de relacionamentos e trabalhos pendentes. O Ascendente em Libra reforça relacionamentos e acordos: exercite o perdão e a relevância de pequenas coisas, já que Vênus, a regente do ascendente está bem posicionada no objetivo signo de Touro, mas revela que as vacas magras continuam. Marte continua no Meio do céu dando as cartas e impondo suas vontades ao mundo: Putin ou Biden?

O 2º mapa nos traz a Lua Nova às 17h24, horário de Londres. Há três grandes marcas nesse mapa do ano. Uma é a casa 7, dos relacionamentos, acordos e parcerias lotada de planetas: o tema central continua sendo os relacionamentos entre os países em geral, além dos acordos internacionais.

Outra mudança é o ascendente em Virgem que pretende botar a casa em ordem, organizar o almoxarifado e fazer uma auditoria de tudo que se tem ou não tem, visando organizar os estoques e os recursos, inclusive os pessoais. Mercúrio, o grande articulista, passa a ser o regente do mapa, que em Áries fica rápido, ágil e intuitivo, querendo resolver tudo com conversas e reuniões, o mais breve possível.

É Mercúrio também é quem passa a mandar no Marte que não está mais em posição de tanto destaque, um pouco mais afastado do Meio do céu e contido por Saturno, o grande e experiente auditor, que nos diz: vamos trabalhar, minha gente! É hora de arregaçar as mangas e pegar no batente!

A última observação é a figura que já havia no mapa anterior da Vênus pressionada por Plutão, indicando que as finanças e os recursos como o grande desafio do ano; e confirma que só as conversas e tratativas podem gerar acordos.

A pior notícia é Urano, o extraordinário, novidadeiro e explosivo planeta, solto na Praça Internacional, lá na casa 9…

E a melhor notícia de todas é Júpiter na casa 8, anunciando que as exportações e importações serão uma chave para o dinheiro circular nesse ano mundo afora. Por isso é que Gêmeos, o comerciante, no Meio do céu, vem a calhar e torna Mercúrio o regente do ascendente e do Meio do céu. Boa notícia!

O planeta Netuno

Como nem tudo são flores, Netuno na ponta direita do mapa atenta para não sonhar demais, não devanear e nem se enganar à toa. Vai ter muita gente querendo nos enrolar com lero-lero aqui e acolá!

 

mapa político do Brasil

E no Brasil? Pelo fuso horário, aqui serão 14h24 e as posições de Sol e Lua estarão mais favoráveis, sendo que a Lua será a regente do ascendente em Câncer, focando no mesmo tema de cuidar dos que necessitam, o Sol como regente das finanças e ambos na casa das relações institucionais. Mas vamos deixar os detalhes para a ocasião em que essa Lua Nova ocorrer?

Como será o céu de 2023 no geral?

Começamos o ano com dois planetas pessoais retrógrados, Mercúrio em Capricórnio até dia 18 e Marte em Gêmeos até dia 12. Mas podemos considerar um dia a mais para cada um realmente começar a dar a sua contribuição na fluência do céu.

MercúrioR em Capricórnio quer dizer crise na realidade, na materialidade, na concretude e consequentemente nas finanças, comercio e fluxo de recursos. Ou seja: férias! No Brasil estará sobre a casa do Congresso, que por sorte estará em recesso.

Já MarteR em Gêmeos estará reinando sobre a casa do povo e tudo o que dele depender para a vida do povo andar, estará travado. Deus nos acuda! A turma do novo governo ainda vai estar se entendendo…

Em 2023, teremos Júpiter em Áries no elemento fogo, Saturno em Aquário no elemento ar, dois no elemento terra, que são Urano em Touro e Plutão em Capricórnio e um no elemento água que é Netuno: será um ano bem diverso, com muitas oportunidades para todos os elementos e algumas mudanças no meio do caminho.

Por isso é que o ano de 2023, relembrando que é um ano 7, pede reflexão, balanço, consciência, planejamento e seriedade. Já o número 23 em si, no Tarô é um número chave, de proteção espiritual e de muita sorte para todos, segundo meu mestre no assunto, Betoh Simonsen.

Também é um ano para práticas espirituais e estudos, que ampliem seu autoconhecimento, filosofia de vida, visão de mundo, através da aquisição de conhecimentos nessas áreas e também História, Mitologia, Política, Filosofia e tudo que possa lhe proporcionar crescimento ou aperfeiçoamento em SER HUMANO.

Vamos aos detalhes…

planeta jupiter (aia2009.files.wordpress.com)

Júpiter em Áries

Júpiter na mitologia romana, Zeus na mitologia grega ou Oxalá na umbanda brasileira, é o deus dos deuses, o pai dos deuses e dos homens. Zeus era a personificação do céu luminoso, que com seu poder lançava raios, dissipava nuvens e fazia chover com abundância, fecundando a terra. Júpiter rege a expansão intelectual e espiritual, a sabedoria e os estudos superiores, as filosofias e religiões, a justiça e a ética.

Júpiter é o maior e mais brilhante planeta do sistema solar e se traduz em nossas vidas pela nossa capacidade de expandir e por nosso potencial de obter sucesso e êxito como indivíduo e ser social. Júpiter é expansão, conhecimento, sorte, prosperidade, proteção e otimismo. O planeta representa a maneira como crescemos, expandimos e nos desenvolvemos no mundo.

No mapa astral individual, significa a capacidade que temos de obter êxito na busca por conhecimentos teóricos e práticos, culturais, científicos, filosóficos, religiosos, morais e éticos. Júpiter é considerado o grande benéfico porque atrai oportunidades, sorte e prosperidade, emana simpatia e atrai ajuda, expansão, favorecimentos, facilidades, proteção e fertilidade na casa e nos assuntos regidos por ela. Onde ele habita em nossos mapas é o setor onde nunca teremos dificuldades em crescer e nos desenvolver.

Ao mudar para Áries, Júpiter começa uma nova jornada pelo zodíaco e isso significa novas maneiras de se expandir, criatividade, ousadia e coragem para testar novas formas de tudo, mas principalmente de ser e de arriscar novos caminhos para crescer, principalmente no setor onde ele estiver atuando no mapa de cada um.

Signo de Áries

Universalmente, já esteve em Áries de maio a outubro e, mesmo retrógrado de julho a novembro, trouxe crescimento econômico para o Brasil, já que estava na casa das finanças do país. Ele retorna a Áries em janeiro e lá fica até meados de maio, quando se muda para Touro. Enquanto estiver em Áries, mesmo na casa 3, vai se associar a Vênus na casa 7 do Brasil, melhorando a nossa imagem no exterior, as relações exteriores, exportação e vendas de nossos produtos, além da melhoria do comércio, da educação, das estradas e dos meios de transporte.

Signo de Touro

E, em seguida, em Touro e já em 2024, deve afetar mui positivamente a safra das nossas produções agrícolas e investimentos na pecuária e outras criações animais.

 

Netuno em Peixes

Netuno para os romanos ou Poseidon para os gregos é o deus das águas subterrâneas. O deus do mar também é uma divindade de fecundação. Poseidon reina em seu império líquido à maneira de um Zeus marinho, tendo por cetro e por arma o tridente, que os poetas dizem ser tão terrível quanto o raio de Zeus. Poseidon era um deus muito importante e celebravam em sua honra os jogos místicos, constituídos de competições atléticas, além de música e poesia, realizados de dois em dois anos. Olimpíadas? Entre os seus epítetos estão: “aquele que faz nascer, que produz algas”, “o sacudidor da terra”, “deus do mar”, o grande inconsciente permeado de imagens fantasmagóricas e ilusórias das profundezas do oceano.

O belo Netuno (do site de V. Tuleski)

Netuno é um dos planetas do sistema solar que não se vê a olho nu e por isso o associamos com parte de nossa mente que não conhecemos – a mente inconsciente. Para entende-lo na pratica, imaginem somar a maternagem de Lua com a feminilidade de Vênus e elevar essa soma à enésima potência: obteremos Netuno!

Netuno é inspiração, mediunidade, hipersensibilidade, transmutação, integração e alquimia. O planeta rege os climas, o astral, a totalidade das situações e, principalmente, o que a realidade não está mostrando. É a percepção extra-sensorial (PES), que todos nós possuímos, uns mais, uns menos e que pode nos conduzir a captações claras, sutis, precisas ou, ao contrário, nebulosas, difusas, confusas como as ilusões e fantasias.

Netuno rege as habilidades psíquicas que nos capacitam a ver o que não está escrito, ouvir o que não está sendo dito, perceber outras dimensões, captar a totalidade. É dotado de senso estético apurado, de acentuada noção de proporção, ritmo, cor e harmonia, além de imaginação ativa e criativa, inspiração, captação de imagens e impressões, adaptabilidade e ecletismo.

Cada vez que Netuno muda de signo, afeta a maneira como capturamos o nosso entorno. Desde a sua entrada em Peixes em 2008, signo que rege e que acentuou suas características:

– o mundo se tornou definitivamente globalizado: as últimas barreiras de resistência de pequenas culturas e grupos estão sendo dissolvidas, enfraquecidas e absorvidas pela contemporaneidade

– Inclusão é a palavra de ordem desde então

– Fenômenos de comportamento de massa, modismos, ideias e expressões se espalham pelo planeta afora em curtos espaços de tempo.

– As atividades artísticas, principalmente a música, as artes visuais e o cinema viveram, de lá para cá, momentos de grande expressão, assim como tudo o que está associado à química, indústria farmacêutica e medicamentos, que tiveram crescimento expressivo, especialmente os genéricos. Todos esses são temas regidos pelo signo de Peixes.

Assim como a pandemia, doença infecciosa e contagiosa que se espalhou rapidamente como um rastro de pólvora nesse signo. E não estamos livres dela e nem de outras como Influenza e ou que se transmitam pelas águas.

 

Saturno

Saturno em Aquário

Aquário é um signo do elemento ar, que valoriza o pensamento, o intelecto e a aquisição de conhecimento e que enaltece a sociabilidade e os relacionamentos em grupo. É um signo de performance intelectual, de criatividade e intuição elevadas, que preza as relações humanas e defende a diferenciação, o fora do comum, o particular, o excêntrico. Aquário estimula os estudos técnico e tecnológico, defende o desenvolvimento de sistemas de pensamento e teorias, investe em conhecimentos profundos e específicos em universos mui distintos.

É um signo voltado para o futuro por ter acentuada intuição, tem grande capacidade para as áreas de planejamento, modernização e inovação de processos, antecipa tendências, investiga tecnologias que aprofundem a globalização e exaltem as mídias eletrônicas, as telecomunicações, a era digital.

signo de aquário

Saturno em Aquário nos evidencia a necessidade de implantar esse novo paradigma e estimula a inventividade, a originalidade, a busca por liberdade e conhecimento, denuncia a aceleração do tempo e a necessidade de perseguir tendências futuras, atitudes que promoveram grandes rupturas em várias áreas.

Peixes

Saturno em Peixes

Peixes é uma mistura de todos os outros signos e por isso, podemos ter piscianos de muitos tipos: mais arianos, mais cancerianos, mais sagitarianos e etc…, dependendo da configuração do mapa do indivíduo. É um signo de água, dos mais humanos, espirituais, ou seja, que leva em consideração todas as instâncias de cada situação e cuja sensibilidade à flor da pele o faz apto às questões artísticas, culturais, de saúde e de cuidado e proteção com os outros, sonhando sempre com um mundo melhor para se viver.

Saturno entra em Peixes no dia 7 de março e esta não é uma combinação muito fácil justamente pelo planeta ser demasiado realista, objetivo e pragmático e o signo nada assim. Mas vejamos o que é que Saturno nesse signo deve trazer para a nossa realidade. Por um lado vai estimular os temas afeitos ao signo, como humanidades, artes e cultura, mas por outro pode trazer à tona outro aspecto do signo que é viver à margem da vida, denunciando a pobreza escancarada de muitos, a necessidade de prestar socorro a muita gente, de melhorar o sistema de saúde, educação, habitação e de anular a a condição de sobrevivência apenas pela sobrevivência. Oxalá nos ajude!

Saturno nesse signo pode ainda acentuar as tendências religiosas extremadas e no fundo, mentirosas e enganosas. No Brasil, Saturno pegará uma parte da casa número um do mapa do nosso país, onde deve acusar sumariamente a miséria e tudo o que precisa ser melhorado na vida do nosso povo. E, justamente pela miséria, e pode ampliar a criminalidade. Devemos estar muito atentos com os surtos de doenças contagiosas e com os falsos profetas e enganadores. Novamente, Oxalá nos acuda!

 

Planeta Urano, o diferente até astronomicamente

Urano em Touro

Urano, o imprevisível, continuará em Touro, signo em que está desde 2018.

O planeta rege a inteligência superior ou a capacidade que temos de nos rebelar sempre que intuímos que nosso projeto de autonomia ou liberdade está ameaçado. O planeta rege a nossa maior ou menor criatividade, inventividade, autonomia, independência, além da capacidade de renovação, excentricidade, sobretudo a intuição e a percepção rápida e acelerada da realidade, que se manifestam repentinamente através de insigths, captações sobre o futuro, viradas de vida ou mudanças bruscas que nos farão romper com velhos padrões, tradições e estruturas para deixar que o novo, o futuro, o porvir e a contemporaneidade penetrem em nossas vidas.

Por ter grande visão de futuro, antecipa tendências nas ciências, tecnologias de ponta, sejam elas técnicas, científicas, sociais, políticas, econômicas, culturais ou de comportamento, que serão utilizadas em projetos ou planejamento futuro de empresas, governos, instituições. Urano rege ainda as novas profissões, as atividades inconvencionais ou experimentais que surgem sempre que o planeta muda de signo.

Em Touro, Urano vem chacoalhando o mercado financeiro e o bancário, através de inovações em moedas, em como fazer pagamentos e obter recebimentos; a agricultura, a pecuária e consequentemente a área de alimentos e gastronomia também mostram alterações; as áreas de embelezamento, perfumaria, joalheria e ornamentos femininos vêm vivendo grandes inovações; a engenharia, a construção civil, a arquitetura e seus afins, além de segurança pública e privada foram revolucionadas nesses últimos anos.

E já estamos assistindo a tais mudanças em todas aquelas áreas que são as que mais crescem no momento, devido às revoluções tecnológicas porque passam e por isso são as que mais crescem na atualidade como é o caso da perfumaria e cosméticos, da gastronomia e alimentos, das finanças, sistemas bancário e de pagamentos, que estão sendo revolucionadas pelas novas tecnologias, além de floricultura e agropecuária.

O planeta plutão

Plutão em Capricórnio

Plutão está em Capricórnio desde 2008. E Oxalá, está chegando ao fim! O planeta que rege o poder e a ânsia por ele, quando associado a Capricórnio, tem nos feito assistir a todas as formas de poder e controle se exacerbarem e ultrapassarem os limites do humanitarismo, sejam eles políticos, econômicos, sociais, territoriais, ambientais ou comportamentais.

A questão ambiental se intensificou, já que a Terra nunca foi tão aviltada e abusada, não só pelos países desenvolvidos como também os países emergentes, que se industrializaram ao custo de poluir e destruir o planeta. Isso vem trazendo consequências, já que o planeta e seus recursos são finitos. O medo pela finitude dos recursos tomará conta do imaginário coletivo por conta da escassez de alimento, de energia e de água potável. A doença do futuro será o medo.

A força e a violência, temas regidos por Plutão, vem aumentando significativamente assim como a insegurança diante da vida que passa a ter muito poucas garantias. Essa tendência vem fortalecendo os sistemas de controle, órgãos de controle e sistemas de segurança, valorizando o setor de seguros e de diminuição de riscos.

As mudanças na agricultura e na produção de alimentos têm sido radicais. A agricultura tomou lugar de destaque nas últimas décadas e como consequência, a escalada de preços e de políticas severas de importação e exportação de alimentos mundo afora.

O essencial, o básico e o estrutural foram bastante valorizados. Além da valorização do que é necessário, das estruturas, do reaproveitamento de tudo, das atitudes e comportamentos que gerem economia e evitem desperdícios, os hábitos de consumo, alimentação, vestuário e moradia sofrerão fortes alterações.

A vida, a natureza, a longevidade e a terceira idade foram re-valoradas, assim como, os assuntos de saúde, qualidade de vida, de segurança e de previdência. Como faremos para sustentar tantas vidas que passem dos 100 anos?

 As profissões mais valorizadas foram as que lidam com gestão, planejamento, previsão e pesquisa que otimizam recursos de todo tipo. As assessorias e consultorias que atuem nestas áreas também se destacarão.

A Lei do eterno retorno funcionou como nunca e trouxe de volta o conservadorismo, o classicismo, as antiguidades, a história, as tradições, os mitos, a arqueologia, a museologia. Na política, os regimes de extrema direita surgiram e dominaram os últimos anos. Agora, na mudança para Aquário, veremos o contrário tomar conta.

Infelizmente tudo será profissionalizado: poderemos ter tudo o que quisermos, desde que paguemos por isso. Só estarão em baixa as relações familiares, uma vez que Capricórnio é a sombra de Câncer. Pena que os afetos e sentimentos também virarão mercadoria.

Mas nem tudo está perdido porque Plutão ou a Lei da Vida só mata aquilo que está em excesso, que está sendo feito com abuso, com mau uso, com voracidade e obsessão. Plutão revela o mal, mas também traz a regeneração, transformando a situação para melhor, depois de muita pressão e desgaste. E será que não é disso que a cruel contemporaneidade estava precisando para se transformar?

Aquário é eletricidade

Em 2024 será a vez de Plutão entrar em Aquário e de inaugurar de vez uma nova etapa na História da Humanidade, período em que os assuntos materiais e concretos perderão totalmente a razão de existir, para dar lugar aos temas sociais, tecnológicos, científicos, e mais racionais, políticos, coletivos, humanitários. E já em 2023, Plutão passa um período curto em Aquário, como que ensaiando sua entrada triunfal em 2024: de final de março a meados de junho, frequentará Aquário em movimento direto até final de abril e retrogrado entre maio e metade de junho.

Nos próximos tempos, viveremos a perda de hegemonia do elemento terra e sua progressiva decadência. “Atravessaremos uma fase de “raspa do tacho” e ao invés de tentar se dar bem a qualquer custo, tentar levar vantagem em tudo ou aproveitar os últimos momentos da corrida em busca do pote de ouro, deveríamos adotar outras atitudes: trabalhar o desapego, evitar os excessos e desperdícios, se responsabilizar pelo planeta, pelo meio-ambiente e pelas pessoas à nossa volta, se conscientizar que o todo é maior que do as partes, abandonar a mesquinharia e o ego, ser solidário e humanitarista, não abrir mão de sentir, de sentir fé, amor e gratidão pela vida, que serão artigos caros e raros no nosso futuro”.

Eclipses em 2023

O que é um eclipse? Um eclipse ocorre quando o Sol, Terra e Lua estão tão alinhados de modo que algum deles seja ocultado por outro dos dois astros. Eclipsar ou obstruir significa enfraquecer e um eclipse provoca aceleração, inversão de tendências ou intensificação de crises.

eclipse solar

É comum ocorrerem dois eclipses em seguida, um por ocasião da Lua Nova e outro da Lua Cheia ou vice-versa, e é o que teremos em abril, maio e outubro, em que serão dois. Um eclipse sempre provoca o confronto entre passado e futuro. No eclipse solar, o passado tende a retornar com força total, propondo a revisão de temas que já tinham sido superados. No caso do lunar, o futuro é que vence e costuma acelerar tendências, revelando fatos, introduzindo pessoas, alterando atividades e relacionamentos, propondo ideias e sentimentos inéditos.

Recomenda-se não estar vivendo situações tensas ou que estejam próximas do limite, com a corda esticada, exigindo energias extras. Seus efeitos começam um mês antes do fenômeno ocorrer e podem perdurar por seis meses.

Em 2023, teremos 4 eclipses, dois lunares e dois solares, que vão ocorrer em abril e maio, depois em outubro serão dois. Estamos atravessando uma mudança do eixo de eclipses de Touro/Escorpião para o eixo Áries/Libra. Os eclipses acontecem de traz para frente nos signos e caminham às avessas. Veja abaixo:

– o primeiro deles será em abril, por ocasião da Lua Nova no finalzinho de Áries, quase Touro, e será um Eclipse Solar Anular Total, de forte intensidade, que ocorrerá no dia 20 de abril, às 1h18, horário de Brasília.

– o seguinte será um Lunar Anular, de media para forte intensidade, que ocorrerá na Lua Cheia do dia 5 de maio em Escorpião, às 14h24, horário de Brasília.

– em outubro teremos dois. O primeiro será um Eclipse Solar Anular por ocasião da Lua Nova de Libra, em 14 de outubro de 2023, às 15:00, horário de Brasília.

– e tal fenômeno será seguido por ocasião da Lua Cheia em Touro, que formará um Eclipse Lunar Penumbral de média intensidade em 28 de outubro, às 20h15, horário de Brasília.

Retrogradações de planetas pessoais em 2022

Como já citamos, o ano começa com as retrogradações de Mercúrio e Marte.

No mês de julho será a vez de Vênus retrogradar em Leão, desde o finalzinho do signo, do dia  23 até o início de setembro, dia 4, chegando ao grau 12 do mesmo signo. Os temas laqui acentuados serão os dos relacionamentos e afetos, dos bens, valores e finanças, além de harmonia, beleza, arte e acordos de paz, que precisarão ser revistos. Casos como cirurgias de embelezamento ou correção, cirurgias nos rins ou em órgãos femininos, além de contratos, casamentos, acordos societários, transações financeiras ou compras de vulto, devem ser postergados para depois da retomada do movimento direto do planeta.

Mercúrio retrógrado

Teremos ainda quatro retrogradações de Mercúrio em 2023.

– de 29 de dezembro de 2022 a 18 de janeiro em Capricórnio

– de 21 de abril a 15 de maio em Touro

– de 23 de agosto a 15 de setembro em Virgem

– de 13 de dezembro a 2 de janeiro de 2024 em Sagitário

No caso de Mercúrio são os temas ligados ao pensamento e aos estudos, à comunicação e informação, transportes e deslocamentos, vendas e comércio, além de eventos pontuais como cirurgias eletivas, assinatura de contratos, inauguração de empresas, que devem ser postergados para quando o planeta retomar o movimento direto, se possível.

Desejo a todos um excelente 2023, com muita saúde, paz, amor, prosperidade e alegria!

Não faremos previsões por signo porque são muitos os mapas e períodos. Aconselhamos que consulte semanalmente o site www.cicabueno.com.br para ter previsões mais detalhadas e pontuais sobre seu signo ascendente.

FELIZ 2023!!!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here