Lunação em Câncer – junho 2014

De vez em quando,  alguém me pergunta quando é que as coisas vão melhorar.  Respondo que antes de melhorar ainda vai piorar muito.  E não é só em função do céu estar emaranhado há muito tempo,  mas porque nós humanos,  aqui na Terra,  conseguimos co-responder a ele com tamanha maestria,  complicando ainda mais o que já parece bastante complexo.  Vamos recapitular…

Desde o final de 2013,  estamos sob a batuta de energias retrógradas:  em outubro e novembro foi Mercúrio,  em dezembro e janeiro foi Vênus,  em fevereiro,  Mercúrio de novo;  de março a maio,  foi a vez de Marte e agora em junho,  tivemos Mercúrio outra vez.  Sempre que um planeta rápido retrograda,  atravanca o meio de campo.  É como se suas funções ficassem sem comando,  como se aquela força da natureza tirasse férias.  E some-se às retrogradações,  o grande quadrado de tensão que se estabeleceu entre os gigantes  Plutão,  Urano,  Júpiter e Marte,  e que monopolizou o céu entre dezembro e junho.  E a Terra também.  Por isso,  se sua vida não caminhou nada nos últimos meses,  não estranhe,  porque não foi só a sua,  mas a da torcida do Corinthians também.  Estamos vivendo mais uma etapa da  megatransformação que o paradigma vigente vem sofrendo desde a entrada de Plutão em Capricórnio em 2008,  seguido de Urano em Áries 2010.  E ainda tem chão…  (Leia mais em outros textos aqui mesmo)

Câncer, editado de gaivotasp.blogspot.com

Até agora,  2014 foi um ano bichado.  E ainda será por mais esse ciclo porque a próxima lunação,  que será no dia 27 de junho,  às 5h10 em Câncer,  ainda pegará o Mercúrio retrógrado pela proa,  regente da lunação,  cujo ascendente está em Gêmeos.  Uma lunação estende os efeitos do céu por todo o ciclo e,  apesar do nosso pequeno mensageiro retomar o movimento direto a partir de 3 de julho,  ainda teremos problemas de comunicação e transportes,  greves e manifestações,  enrolação e incertezas,  atrasos e lentidão,  desconexão e ruídos,  pouca ação e pouca produtividade.  Fora as consequências que tudo isso gera na vida particular de cada um de nós:  se o céu está emanando tamanho caos,  nossas vidas,  em maior ou menor grau,  estão-lhe refletindo.

Haja vista a Copa do Mundo,  que deveria nos trazer dividendos e que anda com os índices de lotação e faturamento abaixo dos previstos;  ou os gols- contra que ocorreram em vários jogos do campeonato,  a tremenda vaia que a presidenta Dilma recebeu na abertura,  as manifestações violentas que vêm ocorrendo em várias partes do país,  os congestionamentos incalculáveis,  os gastos colossais que o espetáculo vem custando aos cofres públicos,  tão levianamente mal administrados. E a big-aceleração do tempo!?!  Imprevistos? Isso sem falar de outras partes do mundo…

Mas a lunação também aponta mais dois traços importantes.  O primeiro vem da ligação entre os luminares,  Vênus e Netuno,

Os luminares, editado de irresitivelnaoler.blogspot.com

ilusionista,  que prolonga o clima de romantismo,  de sonhos,  preguiça e paixões:  bom para os amantes,  as artes e as atividades humanas;  bom para quem quer tapar o Sol com a peneira e não enxergar a realidade;  bom para tirar férias e pra empurrar os problemas com a barriga. O outro traço é emanado pela tensão que continua por mais esse ciclo entre Marte,  o intrépido agente e Plutão e Urano,  os implacáveis:  eletricidade,  precipitação e agressividade,  imprevisibilidade,  rebeldia e descontrole.  Resultado:  agitação,  ansiedade,  violência,  caos e convulsão social.

Mas não devemos nos deixar levar por esse céu e sim tratar de pôr a vida nos trilhos novamente,  resolvendo ao menos os problemas pessoais que cada um de nós tem,  por menores que sejam nossos emaranhamentos.  E abrir os olhos para o entorno,  para o processo sócio-coletivo,  econômico e principalmente político,  antes que seja tarde demais.

Em termos astrológicos,  o segundo semestre tende a ser melhor e trazer uma renovação de energias.  Ufa!  Mal posso esperar.  Mas não podemos arrastar tanta encrenca para o futuro.  Vamos abrir os olhos,  tomar decisões,  escolher e arregaçar as mangas enquanto é tempo!  (Veja abaixo as tendências pro seu signo e se você conhece seu signo ascendente, leia o texto relativo ao mesmo também)

ÁRIES (21/03 a 20/04)

A área familiar recebe novos ares,  estímulos,  embelezamento,  fluidos positivos.  Mas se for do 2º decanato ainda sentirá a terra tremer e lhe propor mudanças bruscas nas relações afetivas,  profissionais ou comerciais.  Estamos falando ainda da mesma crise,  que agora está se revertendo,  mas ainda precisará de mais algumas semanas pra que respire aliviado.  Em breve,  ventos mais criativos e expansivos devem soprar.  Aguente firme!

TOURO (21/04 a 20/05)

Lunação ativa e anima as relações sociais:  é hora de circular,  ampliar interesses,  aceitar convites,  frequentar novos lugares,  fazer cursos,  ir ao teatro,  cinema,  exposições.  Sua regente pede atenção às finanças:  poderá não resistir aos seus caprichos e desejos.  Relacionamentos com parceiros chegam ao turning point: encare as diferenças e resolva-as.  Então,  tudo tende a deslanchar.  Cuide da ansiedade,  da saúde e faça exercícios.

GÊMEOS (21/05 a 20/06)

Vênus em seu signo resolveu vendar seus olhos.  Cuidado com amores e gastos inconscientes,  que só se dará conta depois.  Lua Nova ajuda,  acionando a área financeira e produtiva,  emanando bons fluídos.  Mas deve estar atento para não ceder aos desejos e impulsos.  Seu regente garante que haverá grande ansiedade nas áreas afetiva,  criativa,  envolvendo amigos e planos futuros:  não decida nada apressadamente ou sob pressão.

CÂNCER (21/06 a 22/07)

Lua Nova em seu signo avisa que amor,  romantismo e paixões estarão em alta.  E Mercúrio retrógrado nem vai te chatear muito.  Mas se for do 2º decanato,  vale à pena abrir os olhos porque terá desafios tanto nos relacionamentos,  quanto nas áreas profissional e familiar:  agitação,  ansiedade e transformação.  Talvez dessa vez seja pra valer.  Nativos do 3º decanato vivem dias de glória com Júpiter por perto:  aproveitem!

LEÃO (23/07 a 22/08)

Lunação não vai afetá-lo muito,  salvo pelo fato de que receberá mensagens do inconsciente e deve estar aberto pra isso.  Atravessará período de gestação de ideias e planos futuros.  Fique ligado!  Amizades merecem atenção:  algo ali não vai como você queria.  Nas áreas de comunicação e justiça,  relações com irmãos e colegas podem ocorrer imprevistos.  Planeje-se para expandir após lunação em seu signo,  no mês que vem.

VIRGEM (23/08 a 22/09)

Projetos futuros,  participação em grupos e atividades sociais estarão bem ativados nesse ciclo.  No entanto,  seu regente patina e pode trazer gastos imprevistos ou por impulso,  que devem ser bem examinados:  evite crises emocionais ou econômicas futuras.   Profissional pede atenção para enganos.  Área afetiva apresenta desafios,  mas só se entrar em disputas.  Comunicação melhorará em breve,  mas ainda há preço a pagar.

LIBRA (23/09 a 22/10)

Alguns sonhos podem se realizar agora.  O ciclo pode trazer boas e belas novidades à área profissional.  A crise que vinha atravessando nas relações continua,  podem haver rompimentos,  gargalos,  decisões e desafios por ali.  Mas haverá solução final,  enfrente-as e resolva-as de vez.  Cuide do seu bolso:  crise financeira promete ceder.  Devagarinho voltar a crescer.  Vênus,  sua regente e Mercúrio põem em cheque ideais e crenças.

ESCORPIÃO (23/10 a 21/11)

Novos horizontes e oportunidades se descortinam,  assim como novos assuntos,  espaços e afetos chamam seu interesse.  Bom,  né? Só falta ter mais um pouquinho mais de paciência.  Em breve,  a pressão enfrentada  ultimamente,  vai ceder e deixar a vida e o coração curados.  Crises demandam transformações,  você bem sabe.  Depois desse ciclo,  haverá crescimento e expansão.  Tenha calma e seja persistente!

SAGITÁRIO (22/11 a 21/12)

Lua nova anuncia que sua crise pode finalmente chegar ao fim.  As coisas em casa ficaram melhores,  o bolso está se restabelecendo e os horizontes devem se ampliar em breve:  devem surgir novas oportunidades e viagens num futuro breve.  Amores,  criatividade e projetos futuros estão superestimulados nesse ciclo.  Mas cuide da ansiedade e tenha certeza de não entrar em roubada novamente.  Continue de olho vivo nas finanças.

CAPRICÓRNIO (22/12 a 20/01)

Lunação será em seu signo oposto e promete ativação no plano social,  com convites,  momentos afetivos e amorosos especiais,  romantismo.  Os parceiros estarão colaboradores e românticos:  não tente cortar a onda deles.  Ao contrário,  estimule-os e deleite-se nessa onda.  Se for nativo do 2º decanato poderá ter desafios entre familiar e profissional.  Não permita que algum relacionamento se rompa,  porque pode demorar para ser restaurado.

AQUÁRIO (21/01 a 19/02)

Lua Nova põe tempero suave em seu cotidiano,  trazendo fluência,  harmonia,  bem estar e até romantismo.  Pode ser que tenha que trabalhar neste período,  mas vai ser pouco,  leve e até divertido.  Porém,  na área mental ou na relação com irmãos e colegas,  as coisas podem pegar fogo e não vale à pena chegar a extremos porque pode demorar pra essa crise passar.  Amores e filhos podem trazer enganos e malentendidos.

PEIXES (20/02 a 20/03)

Sol, Lua, seus regentes Júpiter e Netuno e mais Saturno e Quíron conspiram para que tenha um ciclo maravilhoso:  amores,  criatividade,  viagens.  Já pensou em férias?  Pois é hora de tirá-las.  Só fique ligado nas finanças/economia para não ser pego de surpresa ou gastar além da conta por simples impulso.  A área familiar e doméstica merece atenção:  pode haver enganos,  fofocas, ilusões,  más interpretações,  escapismos.