Semana de 17 a 23 de março de 2014

Semana inicia com Lua Cheia e alguns assuntos inaugurados nesse ciclo já dão sinais de que rumo pretendem tomar. Devemos continuar investindo nos mesmos e nos que ainda nos interessem até o dia 20, quando os frutos devem dar resultados. Senão, desista e deixe pra tomar novas iniciativas no próximo ciclo.

A semana deve começar agitada, se é que podemos usar um termo tão leve para descrever o que vem acontecendo. Com Marte em conjunto ao Nodo Lunar Norte do Destino (ou do desatino?), e caminhando em sentido retrógrado, a aceleração e a violência têm sido as tônicas ultimamente. A vida tem andado em ritmo tão acelerado que nem nos damos conta da violência que corre solta e que se manifesta nos locais públicos, onde o povo, pressionado pela dura realidade enfrenta as péssimas condições do transporte público, das estradas, das favelas e da drogadição que avança pelas ruas. Briga-se e luta-se já não se sabe mais porque! Só podemos esperar que tudo venha a arrefecer na medida em que Marte for se afastando do Nodo Norte. Mas ainda leva algum tempo. Segunda e terça-feira devem ser dias bem agitados, com a Lua em posição vulnerável às tensões enviadas por outros planetas bons de briga.

No dia 20, o Sol entra em Áries, inaugurando o outono no Hemisfério Sul e a primavera no Hemisfério Norte, fenômeno que chamamos de Equinócio, quando os dias e as noites têm a mesma duração.

Esse mapa da entrada do Sol em Áries também inaugura o ano astrológico e prognostica o ano universal 2014. Tirado para São Paulo, às 13h57, até podemos nos animar porque Júpiter, o planeta da fertilidade, da expansão e da proteção cai bem no ascendente em Câncer e isso é, de todo modo, algo positivo, humano, criativo, esperançoso. Porém, não esqueçamos que ele está envolvido em boa querela com Plutão, o grande transformador, que o enfrenta do outro extremo, e com Urano, o revolucionário, que se posiciona imperioso no Meio do Céu: o ano não vai terminar como começou e no 10º mês, tudo haverá de mudar radicalmente. A Lua estará em Escorpião, coladinha ao Saturno e em tensão com Vênus, o que indica que as vacas magras e a desarmonia continuam.

O Sol caminha solto no setor das relações internacionais, acentuando o quanto as nações caminham isoladas, sem se comunicar ou se auxiliar mutuamente, num narcisismo conveniente, como se não se dessem conta de que a humanidade é uma só e que devíamos trabalhar de forma mais sinérgica. Júpiter, Urano e Plutão continuam em tensão confirmando a tendência que cada um tem de viver por si e pensar que Deus é que trabalhe por todos. Marte e Nodo Norte se encontram numa ponta do mapa exercendo presença forte: a violência e a dissimulação continuarão acentuadas.

Porém, se nossos dirigentes continuam a se fazer de cegos, surdos e mudos, nós não precisamos nos fazer: se cada um de nós fizer a sua parte na teia da vida pensando em tornar o mundo ao seu redor um lugar melhor pra se viver, certamente estaremos construindo um futuro melhor, a par deles.

Outro dia me perguntaram quando é que irias melhorar e eu respondi: antes de ficar bom talvez ainda tenha que ficar muito rui8m pra que a gente reste atenção e se toque que tem uma imensa responsabilidade e ao mesmo tempo oportunidade de fazer melhor! Pense nisso!

E veja abaixo a melhor maneira de viver seu novo ano astrológico. Boa semana! (se você conhece seu signo ascendente, leia o texto relativo ao mesmo também)

Áriesaguarde a Lua Nova em seu signo e depois aja: você terá a oportunidade de inovar toda a sua vida, desde o âmbito familiar até o profissional com mudanças radicais, principalmente se for do 2º decanato.

Touroos projetos futuros estão mui bem posicionados. Porém, os profissionais e as parcerias precisam de revisão nos planos e nos  relacionamentos para que possam seguir em frente.

Gêmeosse for do 1o decanato tem a chance de fazer grande expansão. Todos os geminianos poderão fazer expansão profissional, financeira e criativa em sua vida: empenhem-se e vão colher muito.

Câncero 1o semestre vai ser ótimo se aproveitar a expansão que Júpiter promoverá em seu signo. Mas, terá que tomar decisões familiares drásticas; e nas suas parcerias, radicais. Profissional aponta mudanças e novidades.

Leão Júpiter vai entrar em seu signo a partir de julho: planeje desde já pra onde você quer ir e aproveite pra fazer crescimento expressivo. Área intelectual e familiar pede revisão, reforma, reestruturação.

Virgemde agora em diante, sua área de atenção deve ser a dos relacionamentos. Nativos do 1º decanato podem encontrar o amor de suas vidas. Preparem-se e sejam felizes.  Todos precisam aprender algo técnico.

Libra por alguns meses nativos do 3º e 2º decanato têm mudanças radicais a fazer. Portanto, tome as decisões corretas e empreenda-as. Não fique em cima do muro. Nativos do 1º e 2º terão suas vidas revolucionadas.

Escorpiãoem fase de auditoria, repense o que deseja mudar em sua vida e refaça o caminho. É hora de empenho e determinação, mas principalmente de se reestruturar. Repense as parcerias X profissional.

Sagitárioalgum assunto em crise tem chance de mudança radical e de ficar ótimo a partir de maio. Deve se concentrar, empenhar-se e mudar. Seu regente promete soluções magníficas em temas financeiros.

Capricórniovárias áreas pedem alterações radicais aos nativos do 2º decanato. Não tenham medo de fazer das mudanças e transformar suas vidas. Não é hora de ser conservador, mas sim ousado!

Aquárioserá um ano de muito trabalho, mas também devidamente compensador. No momento profissional pede revisão, reestruturação para poder crescer. Intelecto pede que mude a atitude, mas não o foco.

Peixeshá tempos nativos do 1º decanato vivem oportunidade única e nirvânica: será que estão aproveitando? Outros estão com amores e criatividade em alta e inovações nos ganhos materiais. Querem mais?